Dia Mundial da Tuberculose

 
Fonte: Dr. Andre Nathan Costa
Publicado em 18/03/2021
Dia Mundial da Tuberculose

A tuberculose (TB) é uma doença infectocontagiosa causada pelo M. tuberculosis, e há evidências ela afete a humanidade por pelo menos 15 mil anos. Já no século XIX, a TB se apresentava como uma das principais causas de óbito na Europa, e na década de 1980, houve um novo aumento da incidência de casos de TB com a epidemia do HIV.

Dados mais atuais, de 2019, segundo a OMS, mostram que 7,1 milhões de pessoas no mundo tiveram o diagnóstico de TB, e esse número absoluto vem aumentando ao longo dos últimos anos... E dos trinta países com maior incidência no mundo (responsáveis por 87% do número de casos!), infelizmente está o Brasil.

A tuberculose é transmitida por partículas respiratórias infectadas de pessoas com a doença pulmonar em atividade através de tosse, espirros e fala. Após o contato inicial com a Micobactéria, tem início a resposta imune na tentativa de combater a infecção. Alguns indivíduos podem ficar doentes logo que entram em contato com o bacilo, outros podem ficar com ele dormente e reativar ao longo da vida. A forma mais comum da doença é a forma pulmonar, porém a tuberculose pode atingir quaisquer órgãos como rins, cérebro, pele, gânglios e trato gastrointestinal.

Os sintomas da tuberculose pulmonar são bem conhecidos, sendo os mais comuns a tosse com expectoração, cansaço, sudorese noturna e febre vespertina – sintomas que duram algumas semanas. Emagrecimento, falta de ar e tosse com sangue podem aparecer em casos mais avançados.

Como a tuberculose é muito comum no Brasil, é recomendado que se procure um médico ao se apresentarem os sintomas respiratórios persistentes.