Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
Logon
X

Horários de funcionamento das unidades no feriado 25/01/2017

Unidades em São Paulo

Unidade Bela Vista

  • Hospital e Pronto Atendimento: 24 horas
  • Laboratório Clínico: 06h30 às 19h00
  • Raio X: 07h00 às 18h00
  • Central de Laudos: 08h00 às 13h00
  • Exames Agendados: 07h30 às 18h00*

* Conforme disponibilidade da agenda

Unidade Itaim

  • Laboratório Clínico: 06h00 às 14h30
  • Raio X: 07h00 às 12h30
  • Central de Laudos: 07h00 às 13h00
  • Exames Agendados: 07h00 às 17h30*
  • Centro de Oncologia: 08h00 às 18h00*

* Conforme disponibilidade da agenda

Unidade Jardins

A unidade estará fechada neste feriado

Cuidados Paliativos

Dúvidas Frequentes

  • ​​​​​​​​O que são cuidados paliativos?

    O objetivo dos cuidados paliativos é buscar alternativas para minimizar os sintomas de desconforto que podem acompanhar o paciente, sejam eles causados pela doença ou pelo tratamento.

    Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), os cuidados paliativos (também chamados de cuidados de conforto, cuidados de suporte e gerenciamento de sintomas) se referem à assistência integral oferecida para pacientes e familiares diante de uma doença grave que ameace a continuidade da vida.

  • Que paciente pode se beneficiar dos cuidados paliativos?

    O foco do cuidado paliativo é o paciente que está vivendo uma doença que de alguma maneira ameace sua integridade e/ou cause sofrimento.

  • O cuidado paliativo é oferecido apenas para pacientes que estão em fase terminal ou pacientes que sofrem de doenças graves, como câncer?

    Não. A equipe do Núcleo de Cuidados Paliativos atende pacientes com as mais diversas enfermidades, desde casos simples até os mais complexos. A proposta desse trabalho é aliviar o sofrimento causado pela doença, desde uma hipertensão, em que o paciente terá que mudar alguns hábitos de vida, até casos mais graves, como problemas pulmonares, insuficiência cardíaca, câncer, doenças crônicas, entre outros.

  • Os cuidados paliativos são oferecidos somente ao paciente?

    A equipe de profissionais do Hospital Sírio-Libanês está capacitada para cuidar da doença e dos sintomas que ela possa causar aos pacientes e também a seus familiares.

    Aliviar o sofrimento da família a ajudará a cuidar melhor do paciente e fazer com que os momentos de cuidado durante a doença se tornem momentos significativos de convivência.

  • Como são realizados os cuidados paliativos?

    Os cuidados paliativos atuam nas necessidades do paciente e de sua família, avaliando e tratando os sintomas físicos de desconforto, como dor, fadiga, cansaço, falta de ar, náusea, entre outros, que possam causar sofrimento e piora da qualidade de vida. Ao mesmo tempo em que trata os sintomas da dimensão física, a equipe avalia e cuida das necessidades emocionais, sociais, familiares e espirituais do paciente e de sua família.

    Pela solicitação do médico que acompanha o paciente, do próprio paciente ou de seus familiares, é feita uma primeira visita para esclarecer dúvidas sobre o tratamento com cuidados paliativos. Todo o processo é realizado em alinhamento com as preferências e valores do paciente. A partir daí, a equipe recomenda as melhores interações para cada caso. Cada paciente é avaliado e tratado de forma individualizada. As melhores opções de abordagem são definidas caso a caso. Veja mais em Serviços.

  • Quem são os profissionais que realizam os cuidados paliativos?

    O Núcleo de Cuidados Paliativos do Hospital Sírio-Libanês conta com uma equipe fixa formada por médicos especializados, enfermeira e psicóloga. Atua em conjunto com uma equipe de apoio composta por nutricionistas, fisioterapeutas, farmacêuticos, assistentes sociais e voluntários. Esses profissionais são treinados e capacitados nas técnicas dos cuidados paliativos.

  • Apenas os pacientes internados podem se beneficiar dos cuidados paliativos?

    Quando o serviço foi criado, em 2008, era oferecido apenas aos pacientes internados, sem custo adicional. Porém, ao longo dos anos, o atendimento passou a ser oferecido também em consultório e em domicílio, para os pacientes que não necessitam de internação, apenas de acompanhamento médico. Nesses casos, o serviço é cobrado.

  • E se eu não quiser receber cuidados paliativos?

    Nenhum paciente é obrigado a receber a equipe de apoio de Cuidados Paliativos. O princípio bioético da autonomia defende o respeito à capacidade de autodeterminação do paciente, que deve participar do processo de decisão sobre qualquer tratamento que o envolva.

  • Com que regularidade o atendimento é realizado?

    Não existe prazo definido. Pode ser realizado enquanto houver necessidade por parte dos pacientes ou familiares. Isso depende de cada caso.

  • O tratamento médico tradicional será mantido?

    Sim. Os cuidados paliativos visam auxiliar o paciente e seus familiares a superarem a doença e o tratamento, proporcionando alívio e conforto. Um paciente com a dor controlada, por exemplo, dorme melhor, se alimenta melhor, e assim responde de forma mais satisfatória ao tratamento.

  • Reuniões com a família fazem parte do tratamento paliativo? Como elas são realizadas?

    A reunião com a família pode ser feita no quarto do paciente ou em uma sala de reuniões com o médico e a equipe. O objetivo é assegurar que o paciente e sua família entendam o estágio atual da doença e seus prognósticos.

  • O médico que acompanha o paciente continuará tratando de sua saúde?

    Sim. A equipe de Cuidados Paliativos se reúne com o médico do paciente para ter conhecimento sobre seu estado de saúde, avaliar os exames, os prontuários, e assim entender a necessidade da pessoa e de sua família.

​​
  • ​​​​