Confira o que os especialistas do Hospital Sírio-Libanês já falaram na imprensa sobre o novo Coronavírus:

Jovem Pan
Data Veiculação: 31/07/2020 às 07h32

Charles Sholl/Estadão Conteúdo Paulo Skaf divulgou um vídeo no qual agradece o apoio recebido nesse período O presidente da Federação das Indústrias de São Paulo, Paulo Skaf, venceu a Covid-19. Ele chegou a ser internado no Hospital Sírio Libanês com um quadro de pneumonia leve. Skaf divulgou um vídeo no qual agradece o apoio recebido nesse período. “Por orientação médica fiquei hospitalizado preventivamente, mas passei bem no hospital, respiração normal, sem febre e tinha tido apenas um pequena febre, que foi o meu sintoma, além da perda de olfato e paladar. Saí do hospital bem, mas passado alguns dias tive uma nova febre, aí era uma outra história, era uma outra pneumonia bacteriana. Tive que retornar ao hospital, voltei no silêncio, discretamente, porque não queria ocupar mais ninguém e não queria notícias sobre esse retorno ao hospital. Mas saí em seguida e terminei o tratamento em casa. Estou curado e, graças a Deus, essa questão de Covid-19 para mim já passou a ser uma página virada”, afirma. Paulo Skaf teve diagnóstico positivo para o coronavírus em 14 de julho. O resultado positivo aconteceu após encontro do empresário com o presidente Jair Bolsonaro, em 3 de julho, no Palácio da Alvorada, em Brasília. Dias após o encontro o chefe do Executivo federal testou positivo para a doença, o que levou Skaf a também realizar o exame para a doença. *Com informações do repórter Marcelo Mattos

FOLHA DE S.PAULO/SÃO PAULO | GERAL
Data Veiculação: 31/07/2020 às 03h00

PAINELS.A. | ’T:CT!” . pamelsa@grupofolha.com.br Envelhecimento precoce as demissões entre os trabalhadores idosos, que fazem parte do grupo de risco do coronavírus, aceleraram na pandemia. Os profissionais mais velhos tiveram o maior aumento relativo no número de desligamentos no primeiro semestre deste ano, ante o mesmo período de 2019, segundo dados do Caged, cadastro do Ministério da Economia sobre o emprego formal. Cerca de 67 mil profissionais com 65 anos ou mais saíram do emprego, o que representa uma alta de 25%. maturidade na faixa etária de 50 a 64 anos, o crescimento foi de 9%, com 756 mil pessoas que foram dispensadas ou pediram demissão no período. melhor idade nas etapas intermediárias da carreira a tendência foi outra. Dos 25 aos 29 anos o que se viu foi uma queda de 2,3% nos desligamentos, o que representa 1,4 milhão de demissões. E dos 30 aos39 anos, um recuo de 1,6%, com 2,3 milhões de cortes. futuro A faixa etária até 17 anos também teve mais trabalhadores saindo do emprego nos primeiros seis meses de 2020. Foram cerca de 100 mil, alta de 17% ante 2019. lobo-guará O ex-secretário especial da Receita Federal Marcos Cintra, que no ano passado perdeu o cargo no governo Bolsonaro por defender a retomada da CPMF na forma de um imposto que atingiria as crescentes transações realizadas digitalmente, questionou o lançamento da nota de R$ 200. dinheiro na mala Cintra considerou a ideia “uma coisa assombrosa” porque o mundo caminha para deixar de usar moeda manual no futuro. Para ele, a nova nota só favorece quem guarda dinheiro em mala, dentro da cueca e na meia. sombra “Não faz o menor sentido. Não sei o que passa na cabeça do Conselho Monetário Nacional e do Banco Central. Eu sei quem isso vai favorecer: a ilegalidade, o tráfico, a corrupção, aqueles que usam moeda manual para ocultar patrimônio”, diz ele. roleta Potenciais investidores interessados na liberação dos jogos de azar no Brasil andam preocupados porque dizem estar recebendo sinais do Ministério do Turismo de que a pasta vai defender um modelo com um só resort integrado com cassino. azar liberar um único, na avaliação do setor, derrubaria o maior argumento a favor da legalização do jogo, que seria o aumento de arrecadação tributária, geração de emprego e investimento. Os projetos que tramitam no Congresso planejam mais de 30 cassinos. estatística O presidente da Fiesp, Paulo Skaf, que neste mês contraiu coronavírus e foi parar no hospital, voltou ao trabalho nesta quinta (30) e, com um vídeo publicado em rede social, relata como foram seus momentos com a doença que já matou mais de 90 mil brasileiros. leito Ele afirma que sua internação no Sírio Libanês foi preventiva. “Passei bem no hospital, respiração normal, apenas uma pequena febre, além da perda de olfato e paladar. Saí do hospital bem, fui para casa”, dise Skaf. Ele chegou a voltar ao hospital com pneumonia bacteriana, mas não divulgou a informação. cloro quina Apoiador de Jair Bolsonaro, Skaf se reuniu pessoalmente com o presidente, que também se contaminou. Bolsonaro foi diagnosticado com Covid-19 sete dias antes do presidente da Fiesp. “Tive alta, estou curado e, graças a Deus, essa questão do Covid para mim já passou a ser uma página virada”, afirmou Skaf. solidariedade A relevância conquistada pelo movimento de doações durante a pandemia deve servir de pressão para acelerar a investigação das mortes de dois moradores de rua em Itapevi, na Grande SP Eles ingeriram marmitas doadas com alimentos contaminados por veneno de rato. fome Entidades representantes do terceiro setor dizem que o crime precisa ser esclarecido para não prejudicar a adesão às doações. brutalidade “Não é aceitável usar uma ação de bondade para cometer um crime que, inclusive, pode prejudicar milhões de brasileiros que estão doando para diminuir o impacto que a pandemia está trazendo para todo o país”, diz João Paulo Vergueiro, diretor da ABCR (associação de captadores de recursos). saúde no início da pandemia, os atendimentos na rede Dr. Consulta caíram 40%. Agora o patamar foi retomado. Como em outras crises, o avanço atual é atribuído, em parte, à demanda de trabalhadores que foram demitidos e perderam seus planos de saúde. com Filipe Oliveira e Fernanda Perrin

O HOJE/GOIÂNIA | GERAL
Data Veiculação: 31/07/2020 às 03h00

DRIVE-IN O RETORNO DO AO SHOW VIVO 0 Essência 13 0 retorno do ao vivo Hoje (31), a banda goiana Clube Retrô retorna aos palcos para um show em formato Drive-in Adaptando a nova cultura ‘Drive in’ para a realidade de hoje, o Passeio das Águas Shopping recebe nesta sexta-feira (31), às 20h, a primeira edição do Executiva Drive-In, com a banda Clube Retrô. Em vez de palmas e gritos, o som das buzinas e o piscar dos faróis irão dominar a platéia neste primeiro show da banda, após 4 meses. 0 evento conta com todas as normas de segurança, pois o shopping segue um protocolo chancelado pelo Hospital Sírio Libanês. 0 show é realizado pela Rádio Executiva e apresenta o melhor do baile pop. Em entrevista, o baterista Jason Veronez comenta sobre a parceria de longa data. “0 Clube Retrô é uma banda já consolidada no Estado, todos os principais eventos, graças a Deus temos a oportunidade de participar. Antes do isolamento realizávamos uma média de três a quatro shows por semana e já éramos parceiros da Executiva. Então eles nos ligaram e respondi‘claro!’, até porque é um projeto que a gente nunca tinha feito. Será uma experiencia nova para gente tocar em um drive-in”, afirma Veronez. Após a realização de três mega lives, o baterista se mostra feliz com a oportunidade de retomar aos palcos, mesmo que de uma forma inusitada. “Fizemos três lives nessa quarentena e duas no Bolshoi pub, e outra no Tetro Sesi, que é nosso parceiro também. Agora show com o público, nós nunca mais tivemos, provavelmente seremos a primeira banda do Estado de Goiás a tocar com o público”, comenta o baterista. Feedback imediato Por mais que as lives estejam ‘quebrando um galho’, com a proibição de eventos que gerem aglomeração, a energia e a interação imediata do público faz falta para os artistas. De acordo com Jason, as lives tendem a serem frias e um pouco estranhas, em relação ao público que vibra pelos celulares, porém a energia dificilmente chega 100% para quem está do outro lado da tela se apresentando. “Nós somos uma banda super irreverente, fazemos muitas piadas, é nosso DNA como pessoa que levamos para a banda, o público adora. Com o projeto drive-in, mesmo que seja dentro de carros teremos a chance de uma interação direta com o público”, celebra Jason. “Na verdade, a gente não sabe como vai ser, mas acreditamos que o público possa se manifestar melhor, por meio de buzinas, com luz alta, pois não pode descer do carro”, completa. Devido a limitação de movimentos de quem assiste um show Drive-in, o Clube Retrô elaborou um repertório levando este fator em consideração. “Devido o pessoal estar dentro do carro, não podem se levantar para dançar. Mas será um show para cantar muito e curtir. É para o público ter a sensação de: ‘Estou em um show da banda que eu curto depois de4 meses. Não é live, não é televisão é ao vivo!’ será uma ótima experiencia”, diz Veronez que afirma que a banda possui ao todo mais de 1.200 músicas registradas em seu repertório. Alcançando diversas nuances e gostos da música pop, o Clube Retrô apresenta canções desde os anos 50 até a atualidade. Passando por estilos como a Disco e Funk dos anos 70, Tecno e House dos anos 80, Clássicos do Rock Nacional e Internacional, Reggae, Hits Bregas aclamados, Temas de Cinema e outros estilos antigos que sempre embalam o público. E para este evento, o repertório da banda será composto por canções de artistas como: Gloria Gaynor, Cindy Lauper, Queen, Guns N’ Roses, Skank, Raul Seixas, Roupa Nova e Rita Lee. Segurança e comodidade Criando uma atmosfera mais confortável ao público, durante o show será disponibilizado o serviço de entrega delivery de lojistas do shopping. Os participantes receberam um cardápio eo contato das lojas para solicitar o pedido via WhatsApp, aproveitando o momento no conforto de seu veículo e com segurança. E além da diversão, as pessoas ainda podem contribuir para uma boa causa, já que no local estão sendo recebidas doações de alimentos não perecíveis, que serão destinados as pessoas carentes. “O Passeio das Águas já é referência em receber grandes eventos e agora em um novo formato, seguindo todas as normas e protocolos de segurança, comenta o superintendente do shopping, Fabio Segura. Os ingressos para o show já estão esgotados, mas há uma lista de reserva. (Especial para O Hoje) SERVIÇO Show Drive-in - Clube Retrô Quando: sexta-feira (31) Onde: Avenida Perimetral Norte, N° 8303, Setor Jardim Diamantina - Goiânia Mais informações: WhatsApp: (62) 9 9808-4416 Show em formato Drive-in é alternativa para matar a saudade dos eventos culturais Elysia Cardoso